ESPORTES

Ponte Preta lava a alma do Londrina fora de casa na Série B


Ponte Preta lava a alma do Londrina fora de casa na Série B

O Tubarão não tinha marcado nenhum gol em quatro jogos como visitante. De uma só vez marcou dois gols e venceu a Macaca, que perdeu boa chance de pontuar

Londrina deu salto na classificação, deixando a Ponte Preta coladinha na zona da degola, com o agravante de agora pegar o Cruzeiro

Categorias: Colunas

Por: ARIOVALDO IZAC – –, 12/06/2022

ponte londrina alvaro jr 2022 e1655002746426 Ponte Preta deu ‘força’ ao Tubarão. Foto: Álvaro Jr – AAPP

Campinas, SP, 11 (AFI) – Imagino como está a moça que integra a equipe de comentaristas da Rádio Clube de Londrina, 95.7 FM, do Paraná!

Se na véspera do jogo deste sábado entre Ponte Preta e Londrina, em Campinas, ela já falava nós (Londrina) e eles (PontePreta), de certo está em vibração incontida ao assistir à sua equipe, que não havia marcado um gol sequer na condição de visitante desta Série B do Campeonato Brasileiro, marcar dois.

Logo, fora de casa, não havia conquistado uma vitória na competição e atinge o objetivo com o resultado de 2 a 1, o que possibilitou que desse em salto na classificação, deixando a Ponte Preta coladinha na zona da degola, com o agravante de que o seu próximo jogo será contra o líder disparado Cruzeiro, em Belo Horizonte.

Pois o título da edição anterior da coluna foi ‘Londrina não marcou um gol sequer fora de casa. E aí, Ponte Preta?’

E aí que a Ponte Preta ajusta a vida dos necessitados, e ajusta por ter jogado mal.

SEM INFILTRAÇÃO

De que adianta a Ponte Preta ter o domínio do maior período da partida se o time carece de infiltração na defensiva adversária?

Até mesmo o driblador Fessin, que alternou os dois lados do campo, escapava de um adversário, mas não havia prosseguimento nas jogadas.

Afora isso, o que se viu foi o time rodar a bola de uma lateral do campo a outra, mas pela incapacidade de penetração registro para o abuso do tradicional chuveirinho.

De certo o goleiro Matheus Nogueira, do Londrina, continua rezando pra boleirada da Ponte alçar bola à sua área, pois ele abafava quase todos os lances.

EXPULSÕES

Já o Londrina, com claro objetivo de jogar nos contra-ataques, ameaçou quando o seu atacante Gabriel Santos ficaria na cara do gol, em velocidade, mas foi contido pelo lateral-direito Bernardo, que trocou a clara chance do adversário pela falta interpretada como lance de expulsão, aos 30 minutos do primeiro tempo.

Nem por isso o Londrina soube aproveitar a vantagem e continuou rifando a bola desordenadamente, até que o próprio Gabriel Santos, imprudentemente, cometeu falta violenta sobre o goleiro pontepretano Caíque França, quando a bola estava saindo pela linha de fundo.

Como o lance foi revisado pelo VAR, ele foi expulso aos 43 minutos.

IGOR FORMIGA

Como o volante Léo Naldi foi deslocado à lateral-direita com a expulsão de Bernardo, no intervalo foi procedida substituição no time pontepretano com saída do volante Fraga para a entrada do lateral-direito Igor Formiga, com Léo Naldi retomando o seu posicionamento.

De fato a Ponte Preta teve mais intensidade com a mudança, sem que isso fosse revertido em criatividade.

Outras trocas na equipe pontepretana em nada acrescentaram, como as entradas de Jean Carlos e Echaporã nos lugares de Arthur e Danilo Gomes, respectivamente

THIAGO OLIVEIRA

A Ponte Preta colocou tudo a perder quando o zagueiro Thiago Oliveira recebeu o segundo cartão amarelo aos 29 minutos, ao cometer falta dura, que resultou em expulsão.

Paradoxalmente, na cobrança, quem disputou a bola pelo alto com Matheus Luca foi Jean Carlos, que não saiu do chão, possibilitando a cabeçada do adversário: Londrina 1 a 0.

A partir disso, a Ponte se descontrolou ainda mais em campo e o Londrina pôde respirar aliviado, tanto que em bola alçada o zagueiro Fábio Sanches cometeu pênalti, aos 43 minutos, convertido pelo volante João Paulo.

No abafa, num dos raros momentos de descuido da defensiva paranaense, a bola alongada foi ao encontro de Formiga, que apenas ajeitou para o atacante Lucca completar: Londrina 2 x 1.

Confira também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.